Festival

 21º Festival de Inverno de Sanfona e Viola / 2018

sao-pedro

26 a 29 de julho de 2018

21º FESTIVAL DE INVERNO DE SANFONA E  VIOLA

DE SÃO PEDRO DO ITABAPOANA 

MIMOSO DO SUL/ES

Caminhando para a sua 21ª edição, o Festival de Inverno de Sanfona e Viola de São Pedro do Itabapoana, resgata, preserva e difunde a história do sítio Histórico através da arte da arte música caipira, mantendo a sonorização instrumental, ritmo e harmonia. Pode-se considerar um processo cultural permanente, pois está em atividade há duas décadas interrupta, gerando um centro de produção artística e cultural.

O 21º Festival acontecerá entre os dias 26 a 29 de julho de 2018, e a mostra competitiva de âmbito nacional com a categoria instrumental na sanfona e na viola, será no dia 28 de julho de 2018 às 19 horas, no tablado “Capital” localizado na Praça Central do Sítio Histórico.

O concurso tem como objetivo estimular e promover a música instrumental dedicada à sanfona e a viola.

 

REGULAMENTO E INSCRIÇÃOClick aqui

 

Para mais informações:

Iná Abreu

(28) 99885 5082

Email: inscricao@saopedrodoitabapoana.com.br

 

 

Resultado de imagem para FOTO FESTIVAL SANFONA E VIOLA SAO PEDRO

O Festival de Inverno de Sanfona e Viola de São Pedro do Itabapoana foi idealizado em 1998, a partir de uma tradição antiga da região de se tocar sanfona e viola. O festival foi criado como uma forma de chamar a atenção de turistas e, principalmente do capixaba, para conhecer melhor e desfrutar um pouco desta região repleta de história, cultura, tradição e arte.

Com uma intensa programação cultural de música raiz, o festival acontece no ultimo final de semana do mês de julho, com músicos locais e regionais, além dos tradicionais shows, oficinas de formação em música, contação de histórias, missa sertaneja, e o concurso de música da sanfona e viola, com participação de candidatos de várias partes do Brasil. Todas as atrações são gratuitas.

O Festival de Inverno de São Pedro do Itabapoana resgata, preserva e difunde a história do Sítio Histórico, através da arte de música caipira, mantendo as raízes da sonorização instrumental, rítmo e harmonia, pode ser considerado um processo cultural permanente, pois está em atividade há quase duas décadas ininterruptas, gerando um centro de produção artística e cultural.

 

Fonte de pesquisa:

“São Pedro do Itabapoana: Patrimônio, Memória e Identidade Sul Capixaba”.

Pereira, Marcelo Pedrosa.